Devocionais

5 passos para vencer a tentação

A tentação é um dos mais antigos males da humanidade. Todos nós a enfrentamos e, mesmo quando você sabe o que é certo fazer, é difícil dizer “não”. Oscar Wilde disse uma vez em tom de brincadeira: Eu posso suportar qualquer coisa, menos a tentação.” As pessoas por aí dizem que a única maneira de se livrar da tentação é ceder a ela, mas o caminho de Deus é diferente. E se você pensa que é impossível, quero mostrar como pode ser mais fácil do que você imagina, pois é só ter a intenção correta e pedir forças a Quem está interessado na sua vitória.

Seja realista – Todos nós somos tentados. Tiago 1:13 diz que todos somos tentados. Então saiba que você será tentado em algum momento. Não importa a sua idade, o seu sexo ou quantas horas passa orando. A tentação mais cedo ou mais tarde virá. Talvez toda hora.

Hebreus 4:15 nos diz que até Jesus foi tentado, mas sem pecado. Isso nos diz algo importante: a tentação pode ser resistida. Martinho Lutero fez famosa a frase: “Nós não podemos manter os pássaros voem sobre nós, mas podemos impedi-los de fazer um ninho no nossa cabeça.” Ninguém está imune a tentação, mas todos nós podemos vencê-la.

Seja responsável – você tem o poder de dizer sim ou não. Não culpe a situação, não culpe as pessoas, não culpe a Deus. Quando procuramos culpados não estamos nos ajudando e só temos alguma chance de vitória quando assumimos as responsabilidades de nossas escolhas.
Vivemos em uma sociedade de irresponsabilidade. A sociedade culpa o governo, culpa o meio ambiente, culpa a hereditariedade, culpa os pais, culpa o cônjuge, culpa o diabo, e até mesmo culpa a Deus. Algumas pessoas dizem: “Deve ser a vontade de Deus ou Ele não teria deixado isso acontecer.” Isso é a mesma coisa que culpar a Deus.

Não faça sua escolhas ruins e depois culpe a Deus. Seja responsável, só assim haverá crescimento.

Esteja pronto – não baixe a guarda e esteja pronto pra enfrentar a tentação quando ela vier. Ler e relembrar situações descritas na Bíblia pode ser de grande ajuda nesta hora. Jesus disse: Vigiai e orai para não entreis em tentação. Paulo convocou: Revesti-vos de toda armadura de Deus. A tentação é como um vírus que está na rua tentando nos pegar, devemos andar prontos para nos defender.

E como nós nos defendemos? Entendendo como o Diabo atua. Ele conhece sua fraqueza e trabalha pra atacar você bem nesse ponto. E quando você menos percebe ele já está te pegando novamente. É preciso muita atenção. Pra isso você precisa estar ligado com Deus a todo momento, não pode se descuidar nem por um segundo.

Você tem a liberdade de escolher como se defender. Mas não tem a liberdade de escolher as consequências da desobediência. Elas são duras e poderosas. Então se prepare para a guerra da tentação.

Foque na bondade de Deus – nós caímos em tentação quando pensamos que não estamos recebendo o melhor de Deus. Tal como Adão e Eva, duvidamos de Deus. Achamos que Deus está escondendo algo bom de nós e partimos para ver o que há de melhor longe dEle. Todavia Deus nunca erra e sempre nos oferece o melhor. Por isso você deve estar focado nEle. A tentação começa com nossos pensamentos para culminar no ato propriamente dito, ou seja, o segredo está dentro de nós. Mudar o que pensamos é a chave para a vitória. Especialistas chamam isso do “principio da substituição”. Quando a tentação vem, precisamos reorientar nosso pensamento para as bênçãos de Deus e fazer com que nossa mente saia do lugar da tentação.

Em vez de olhar para o que você está sendo tentado, pensar que você está sendo roubado de alguma coisa melhor, um melhor prazer ou uma vida melhor, foque na bondade de Deus. Relembre o quanto Ele te ama e está disposto a te proteger. É como dizer a si mesmo: não pense na maçã vermelha. Quanto mais disser isso, mas vai pensa nela. Em vez disso, comece a pensar em bananas amarelas.

Concentre-se no que Deus realmente quer dar a você. Não duvide dEle. Ele quer que nós tenhamos uma vida feliz e está ansioso para nos dar o melhor desse e do mundo porvir. O segredo para não cair na armadilha é centrar a atenção em Deus. Isso significa que você talvez precise retirar-se da situação que o tenta. Assim como o que José fez na casa de Potifar (Gn 39) quando ele correu e deixou seu casaco para trás.

Conheça sua fraqueza – Qual é a sua área mais vulnerável? Qual é o seu ponto fraco? Deus sabe disso. O diabo sabe disso. Será que é o temperamento? Ganância? Pensamentos sexuais? Gastar demais? Será que é o orgulho? Qual é a área que Satanás sabe ligar o botão para te fazer cair em tentação? Admita que esse é seu ponto fraco e converse com Deus sobre isso. Deixe que o Pai se intrometa na sua vida diária, nos detalhes, na rotina, pois você não tem poder para vencer a tentação sozinho, mas a ajuda divina está à sua disposição. Aprenda a pedir ajuda para o Deus, sobretudo onde você menos consegue se controlar.

I Coríntios 10:13 Deus é fiel e não permitirá que sejais tentados além de vossas forças. Ele sempre prove uma maneira para você sair vencedor. Coopere com Deus e com certeza você vai sair vencedor a cada dia. E no futuro você receberá a coroa da vida que está guardada pra você. Deus planejou isso, Ele quer cumprir para você.

Rodrigo Bertotti é brasileiro, formado em Teologia pelo UNASP em São Paulo, mestre em Liderança pela Andrews University. Autor do livro “Portas Abertas” publicado pela Casa Publicadora Brasileira. Nos últimos 10 anos atuou como pastor no sul do Brasil, em São Paulo e Rio de Janeiro e atualmente mora em Londres. É casado com a Jornalista Fabiana Bertotti.

Fonte: fabianabertotti.com

Faça seu comentário